26.2 C
Mossoró
domingo, 14 de abril, 2024
Por Vonúvio Praxedes
domingo; 14 abril - 2024

Nova concessionária começa a operar aeroporto de São Gonçalo do Amarante

Zurich Airport International projeta crescimento de mais de 20% no movimento de passageiros em 2024

PUBLICIDADEspot_img

“Este é um momento de celebrar, de comemorar. É um novo tempo que estamos construindo no Rio Grande do Norte. E é bom que se diga: não foi fácil chegar até aqui”, disse a governadora Fátima Bezerra, nessa segunda-feira (19/02), na cerimônia que marcou a transferência da responsabilidade operacional do Aeroporto Internacional da Grande Natal, localizado em São Gonçalo do Amarante, da Inframérica para a Zurich Airport International.

A governadora lembrou que o equipamento, que futuramente abrigará o Hub dos Correios, é fundamental para o desenvolvimento econômico, para fomentar o turismo, gerar oportunidades de trabalho e renda no Rio Grande do Norte. “Vocês chegam aqui trazendo muita esperança. A esperança e a confiança que a Zurich traz nos levam a certeza de que vocês vão tratar esse filho com muito carinho. E diante da importância que o Turismo tem para o Rio Grande do Norte é importante investir em um equipamento como este”, pontuou a governadora destacando o potencial do Estado, lembrando que o RN tem os destinos mais bonitos e que o Turismo representa hoje 8% do Produto Interno Bruto (PIB) nacional.

O executivo-chefe da Zurich para a América Latina, Tobias Markert, informou que a empresa vai transformar o aeroporto da Grande Natal numa vitrine da nova tendência mundial, que é a sustentabilidade. O CEO da empresa no Brasil, Ricardo Gesse, reforçou que a empresa planeja desenvolver estratégias, em conjunto com o governo do Estado e com as empresas aéreas, para tornar o Rio Grande do Norte mais conectado com o Brasil e com o mundo. “Faz seis meses, desde que ganhamos a concessão, que estamos trabalhando, mostrando as potencialidades do Estado”, informou.

Ao lembrar a luta que foi o processo de recuperação do aeroporto e destacar o trabalho de todos que contribuíram para isso, Fátima disse aos novos operadores que o Estado será parceiro na missão de fortalecer a infraestrutura aeroportuária, essencial para o desenvolvimento socioeconômico do RN. “Esse sempre foi e será sempre o nosso intuito.” 

“Não tenho dúvidas de que o Rio Grande do Norte ganha um presente com a operação da Zurich. Os investimentos para os próximos cinco anos são de mais de R$ 50 milhões, dos quais somente em 2024 serão quase R$ 12 milhões. Esses investimentos irão preparar o nosso aeroporto para receber tanto turistas nacionais como internacionais”, destacou o ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, destacando o crescimento, no Brasil, do turismo de negócios “E por falar em desenvolvimento, já está na ordem do dia do ministério, o projeto de construção do porto-indústria verde, fundamental para o desenvolvimento do Rio Grande do Norte”, adiantou o ministro.

O presidente da Embratur, Marcelo Freixo, observou que a nova situação do aeroporto representa um importante momento não só para o Rio Grande do Norte, mas para o Nordeste e para o Brasil também. “Em 2023 estivemos em várias feiras, sempre levando o Rio Grande do Norte conosco, divulgando internacionalmente as potencialidades do Estado. Na Argentina e no Chile, o Rio Grande do Norte aparece muito bem colocado. Já está em quinto ou sexto destino turístico de países estrangeiros na América do Sul, mas também divulgamos nos Estados Unidos e na Europa. Portugueses e italianos são públicos já presentes aqui.”

Para Freixo, a nova administração do aeroporto vai ser decisiva para, em parceria com os ministérios e com a Embratur, trazer mais voos e mais assentos. “Isso é geração de emprego, isso é renda num dos destinos mais importantes que o Brasil tem.

Para celebrar o início das operações, a concessionária recebeu o primeiro pouso, com o tradicional batismo da aeronave com jatos de água; inaugurou o novo pórtico e apresentou a nova marca, após a apresentação de um vídeo com alguns dos principais destinos turísticos do RN.

Nos primeiros meses de operação, a Zurich prevê investimento de R$ 3 milhões em melhorias na infraestrutura, segurança, área comercial e experiência do passageiro. O contrato para a primeira sala vip já foi assinado e haverá a operação na área doméstica e internacional. A concessionária também fará a implementação de melhorias no sistema de climatização.

No ano passado, o Aeroporto Aluízio Alves movimentou 2,21 milhões de passageiros. A Zurich projeta um crescimento de aproximadamente 25% em 2024. Em relação ao volume de carga, houve alta de 17% em 2023 no comparativo com o ano anterior.

Participaram da cerimônia o vice-governador Walter Alves; o embaixador da Suíça, Pietro Lazzeri; senadora Zenaide Maia; deputados federais Natália Bonavides, João Maia e Benes Leocádio; deputados estaduais Divaneide Basílio, Hermano Morais e Ubaldo Fernandes; prefeitos Eraldo Paiva (São Gonçalo) e Álvaro Dias (Natal); secretários de Estado Gustavo Coelho (SIN), Jaime Calado (Sedec), Solange Portela (Setur), Carlos Eduardo Xavier (Sefaz), Olga Aguiar (Semjidh), Guilherme Saldanha (Sape), Coronel Araújo (Segurança); a diretora-geral do DER, Natécia Nunes; Iris Oliveira (Sethas); procurador geral do Estado, Antenor Roberto.

Também presentes, os ex-deputados federais Henrique Alves e Rafael Motta; o deputado federal Augusto Coutinho (de Pernambuco), filiado ao mesmo partido do ministro; presidente da Fiern, Roberto Serquiz; vice-presidente da Fecomércio, Luis Lacerda; representantes das agências reguladoras e das empresas aéreas GOL, Latam e Azul e a e a ex-secretária de Turismo Ana Maria Costa, cujo trabalho foi elogiado pela governadora.

PUBLICIDADEspot_img

Deixe uma resposta

ÚLTIMAS NOTÍCIAS