33 C
Mossoró
segunda-feira, 15 de abril, 2024
Por Vonúvio Praxedes
segunda-feira; 15 abril - 2024

MPRN promove curso de capacitação em crimes cibernéticos para policiais civis de Mossoró e região

O encontro terá técnicas de investigação cibernética ligadas à identificação, coleta, armazenamento e tratamento das provas digitais

PUBLICIDADEspot_img

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) irá promover uma capacitação em investigação cibernética para delegados e agentes da Polícia Civil de Mossoró e outras cidades do Alto Oeste. O curso será iniciado na terça-feira (9) e terá duração de três dias. As aulas serão realizadas na sede das promotorias de Justiça de Mossoró.

A promotora de Justiça e coordenadora de Investigações Especiais do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), Engrácia Monteiro, explicou que o objetivo é apresentar aos policiais novas técnicas de coletas de provas de crimes. “O ciberespaço é muito amplo. As redes sociais se tornaram um ambiente de forte interação social e também um terreno fértil para o cometimento de crimes. Diante desse novo cenário, os agentes da lei precisam conhecer as técnicas para identificação, preservação e coleta de provas no ciberespaço, notadamente aquelas existentes nas redes sociais”, falou.

O curso é fruto de uma parceria firmada entre o MPRN e a Polícia Civil do RN para compartilhamento de conhecimentos e técnicas de investigações cibernéticas já empregadas pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do MPRN, e agora repassadas aos delegados e agentes da Polícia Civil potiguar.

Durante a capacitação, serão apresentados conceitos básicos relacionados ao ciberespaço, provas digitais, ferramentas de apoio na identificação e coleta de provas no meio cibernético, estudo de casos e aspectos práticos da investigação cibernética. Também haverá a realização de atividades práticas.

O primeiro módulo desse curso foi realizado no mês de março passado, em Natal. As aulas em Mossoró são da segunda turma do curso, que contará com a participação de 40 policiais e ainda 10 integrantes do MPRN.

PUBLICIDADEspot_img

Deixe uma resposta

ÚLTIMAS NOTÍCIAS