26 C
Mossoró
terça-feira, 28 de maio, 2024
Por Vonúvio Praxedes
terça-feira; 28 maio - 2024

Museu Histórico Lauro da Escóssia em Mossoró é reaberto à população; veja horários de funcionamento

O equipamento cultural vai ficar aberto à população de terça a sexta das 8h até às 17h e aos sábados das 8h ao meio-dia

PUBLICIDADEspot_img

A Prefeitura de Mossoró reinaugurou na tarde do sábado, 23/09, o Museu Histórico Lauro da Escóssia, em um espaço renovado, repleto de história, arte e muita cultura. A reforma trouxe melhorias significativas para o local, oportunizando um ambiente mais estruturado para a preservação do seu acervo, e agora, definitivamente com as portas novamente abertas para a população.

Localizado no centro da cidade, o Museu desempenha um papel importantíssimo na preservação e promoção da cultura do nosso povo e do nosso município. O espaço passou por uma criteriosa restauração, no sentido de proporcionar uma experiência ainda mais rica e engrandecedora aos visitantes locais e turistas.

“É com muita alegria, com muito prazer que vamos receber das mãos do nosso prefeito Allysson Bezerra a história da nossa cidade. Ele (o Museu) teve um tempo pausado, mas agora a nossa memória, a nossa história, a nossa origem, ela está sendo totalmente reativada, com um design moderno, com a nova diretoria, com novos horários, e você que é mossoroense, que é turista, que é estudante, venha nos visitar, ver e resgatar sua história”, disse o diretor do Museu, Jair Nogueira.

O equipamento vai ficar aberto à população de terça a sexta das 8h até às 17h e aos sábados das 8h ao meio-dia.

Entre as melhorias, destacam-se a acessibilidade com a implementação de rampas e elevador. Além disso, a ativação de quatro salas multiúso na Pinacoteca Municipal, que poderão servir para receber exposições. Houve também renovação da pintura e da iluminação, a instalação de um sistema de combate a incêndios, a iluminação externa em Led, câmeras de segurança e outros.

O momento foi marcado ainda por exposições que integraram a programação de reabertura, sendo elas a exposição Auto da Liberdade (um passeio pelas histórias de luta e liberdade do povo de Mossoró); exposição Uern 55 anos; exposição “O Movimento Pictórico da Liberdade Mossoroense”, do artista Isaías Medeiros; e exposição do Projeto Cetáceos, da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte. O momento ainda contou com a apresentação do cantor Marcelo Alexandre.

“Graças a Deus hoje nós estamos entregando para a população o nosso museu, um espetáculo para a cidade de Mossoró. Pra mim, é uma felicidade poder devolver para a população mossoroense aqui neste dia, com recursos que a Prefeitura de Mossoró empenhou, recursos que a Prefeitura colocou aqui à disposição para esse importante equipamento de história, mas também de lazer e turismo. A partir de agora nós vamos receber uma série de turistas de várias partes de Mossoró, do Rio Grande do Norte e do país, que vão vir estudar e ver o que a cidade de Mossoró tem para mostrar”, destacou o prefeito de Mossoró, Allyson Bezerra.

Ao entrar no local, as pessoas são convidadas a se envolverem na riqueza cultural da história desse povo resistente. As exposições foram cuidadosamente pensadas para enfatizar os marcos históricos, personalidades mossoroenses e momentos que foram fundamentais para a construção do que hoje chamamos de “Mosssoró”. Desde os pequenos artefatos até registros fotográficos e documentais, cada detalhe proporciona uma verdadeira viagem ao passado.

Com certeza é uma satisfação para todos os mossoroenses ter um equipamento como esse, enaltecendo a cultura da nossa cidade para o mundo, né? como professor e artista, é muito bom estar visitando e revivendo as histórias que aqui dentro está, neste Museu. Portanto, quem não conhece, que venha visitar esse espaço, que com certeza vocês vão se deslumbrar com as várias histórias, as histórias do nosso povo”, disse o visitante e artista, Gledson Lopes.

O Museu Histórico Lauro da Escóssia situa-se hoje na antiga cadeia pública e guarda um valioso acervo relacionado à pré-história, à paleontologia e à história da cidade e região. No local, podem ser encontrados fósseis de animais, mobiliários, registros fotográficos e documentos importantes, como o título de eleitor de Celina Guimarães Vianna, primeira mulher a votar na América Latina.

PUBLICIDADEspot_img

Deixe uma resposta

ÚLTIMAS NOTÍCIAS