29.5 C
Mossoró
segunda-feira, 4 de março, 2024
Por Vonúvio Praxedes
segunda-feira; 4 março - 2024

Governadora Fátima comemora fim da greve na educação do RN e faz cobrança aos professores

A greve acabou depois de 30 dias, mesmo sem a categoria conquistar pontos que buscavam junto a gestão Estadual.

PUBLICIDADEspot_img

Chegou ao fim o movimento grevista da educação estadual nessa quarta-feira (12/04). No Instagram do Sinte Mossoró foram repassado os detalhes da votação realizada na assembleia da categoria em Natal. Foram 272 votos pelo fim da greve, 180 pela continuidade e 10 abstenções. Os professores cobravam o pagamento do reajuste em 14,95%, incluindo retroativo a janeiro deste ano.

No twitter, direto da China onde cumpre agenda, a Governadora Fátima Bezerra (PT) comentou sobre o fim da greve: “Recebemos a notícia de que a greve dos profissionais da educação chegou ao fim. Assim como na gestão anterior, mantivemos nosso compromisso irrenunciável em respeitar o piso na sua paridade, linearidade e integralidade”, escreveu.

A Governadora ainda comemorou a aceitação dos professores com relação a proposta de reajuste do piso neste ano: “Somos o único estado que os professores ativos, aposentados e pensionistas recebem o reajuste igualmente! Agradecemos o senso de responsabilidade, espírito público e compromisso inegociável com a educação, que a categoria sempre teve”.

A greve acabou depois de 30 dias, mesmo sem a categoria conquistar pontos que buscavam junto a gestão Estadual, como o pagamento imediato do retroativo.

Não passou despercebida a cobrança da Governadora Fátima pela reposição das aulas perdidas com a greve que durou mais de 30 dias. “Seguiremos em diálogo permanente, avançando cada vez mais nas pautas imprescindíveis, e, agora, sobretudo para definir o calendário de reposição das aulas para que nenhum aluno e aluna do RN tenha prejuízos”, pontuou a gestora.

PROPOSTA APROVADA

• Implementação do reajuste de 14,95% no mês de abril para os/as professores/as que estão abaixo da tabela salarial do Piso, com efeito retroativo a janeiro.

• Para os demais (professores/as da ativa, aposentados e pensionistas com paridade), implementar o reajuste em três parcelas, sendo: 7,21% em maio; 3,61% em novembro e 3,49% em dezembro.

• Quanto ao retroativo, a quitação do passivo ocorrerá em 8 meses, de maio a dezembro de 2024.

Veja os tuites da Governadora:

PUBLICIDADEspot_img

Deixe uma resposta

ÚLTIMAS NOTÍCIAS