24.7 C
Mossoró
sábado, 20 de abril, 2024
Por Vonúvio Praxedes
sábado; 20 abril - 2024

Decisão do STF que suspendeu piso nacional da enfermagem é abordada na Assembleia Legislativa do RN

Durante pronunciamento realizado nesta semana, o deputado estadual Getúlio Rêgo (PSDB) se solidarizou com a classe

PUBLICIDADEspot_img

A suspensão do piso salarial nacional para a enfermagem decidida de modo cautelar no domingo (04), pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso, foi alvo de críticas na Assembleia Legislativa esta semana. Durante sessão ordinária, na terça-feira (06), o deputado estadual, Getúlio Rêgo (PSDB), comentou que a decisão do Supremo deixou de reconhecer a importância desses profissionais da saúde, que, segundo ele, estariam na base de sustentação de uma garantia constitucional que vem sendo negada à população ao longo dos tempos.

Sobre o impacto financeiro advindo da aprovação do piso salarial nacional, uma das principais justificativas da decisão do Supremo, na Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 7222, que suspendeu o piso, o deputado estadual destacou que a atenção à comunidade deveria ser priorizada, neste sentido. “É um impacto financeiro? É. Mas, o impacto financeiro muito maior é naquelas pessoas que estão deixando de receber o seu atendimento”.

Ainda durante o pronunciamento, o deputado reforçou a frustração da classe, diante da decisão do STF. “É muito triste a gente ver uma conquista de tanta luta, tanta batalha, tanta audiência pública, tanto esforço das bancadas, do Senado e da Câmara dos Deputados, de repente ser suspensa por uma decisão solitária de um dos membros da Suprema Corte do nosso país”, opinou.

PUBLICIDADEspot_img

Deixe uma resposta

ÚLTIMAS NOTÍCIAS