30 C
Mossoró
segunda-feira, 4 de março, 2024
Por Vonúvio Praxedes
segunda-feira; 4 março - 2024

“Situação desesperadora”, alerta empresa de atendimento de saúde domiciliar sobre atrasos do Governo Estadual

Caso a empresa deixe de funcionar um único dia, as pessoas atendidas em 12 municípios poderão morrer

PUBLICIDADEspot_img

Responsável pelo serviço de saúde domiciliar de média e alta complexidade no RN, a empresa Rita Home Care com sede em Mossoró, afirma por meio de nota encaminhada ao Diário Político que a situação causada pelos atrasos nos repasses por parte do Governo do Estado é desesperadora.

“Em virtude da situação desesperadora que estamos sofrendo, temos a obrigação de informar a todos os colaboradores e imprensa, atraso no repasse dos serviços prestados nos meses de maio, junho e julho do corrente ano”.

De acordo com Léa Amorim, coordenadora geral da empresa, a gestão estadual pagou os meses de janeiro, fevereiro, março e abril. Apesar de maio e junho contarem com ordem bancária para pagamento, o Governo diz que não tem dinheiro.

Os pagamentos à empresa são feitos depois de auditoria em todos os prontuários de atendimentos, processo que demora cerca de um mês para conclusão, mas desde maio o Governo do Estado não paga pelos serviços prestados e comprovadamente efetivados.

Em entrevista ao Jornalismo TCM, a responsável pela empresa disse que depois de cobrança feita junto a Secretaria de estado da saúde pública (Sesap), foi informada que aguardasse para o pagamento sair depois do dia 15 de setembro.

Ouça entrevista concedida ao Meio-dia TCM/ Rádio 95 FM:

Léa Amorim fala sobre a situação da empresa Rita Home Care

Ainda de acordo com Léa, se a empresa deixasse de funcionar um único dia as pessoas poderiam morrer. Ela reforçou que mesmo com as dificuldades financeiras enfrentadas mês a mês, segue dando suporte aos pacientes. Por isso não pode suspender os atendimentos dos 29 pacientes que tem esse suporte nas cidades de Mossoró, Natal, Rio do Fogo, Canguaretama, Baia Formosa, Tibau, Taipu, Poço Branco, Barra de Maxaranguape, Apodi, Martins, Felipe Guerra.

Cada atendimento individualizado custa mensalmente uma média de R$ 26 mil reais e varia de acordo com a complexidade das necessidades médicas.

A Rita Home Care é uma empresa devidamente credenciada por meio de contrato com o Estado do Rio Grande do Norte desde julho de 2020, para prestação de serviços de saúde domiciliar, juntamente com outras duas empresas.

Procurada pelo jornalismo TCM a Sesap não deu respostas sobre as cobranças até a publicação desta reportagem.

Veja nota na íntegra:

PUBLICIDADEspot_img

Deixe uma resposta

ÚLTIMAS NOTÍCIAS