26.2 C
Mossoró
terça-feira, 28 de maio, 2024
Por Vonúvio Praxedes
terça-feira; 28 maio - 2024

Márcia Maia assume PDT/RN com orientação de Jean-Paul

A mudança no comando do PDT, realizada na quarta-feira 19/07, já está oficializada na Justiça Eleitoral

PUBLICIDADEspot_img

Via Agora RN

A ex-deputada estadual Márcia Maia, diretora-presidente da Agência de Fomento do Rio Grande do Norte (AGN), assumiu o comando do PDT no Estado. Nova presidente estadual do partido, ela sucede no cargo o ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves, que trocou o PDT pelo PSD em maio.

Filha da ex-governadora Wilma de Faria, Márcia Maia estava filiada ao Republicanos, partido pelo qual disputou a eleição de 2022, como candidata a deputada federal. Ela teve 17.696 votos, sendo a 3º mais votada da legenda. Ela deixou o Republicanos quando o partido passou a ser comandado pelo prefeito de Natal, Álvaro Dias.

A mudança no comando do PDT, realizada na quarta-feira 19/07, já está oficializada na Justiça Eleitoral.

A nova direção do PDT é ligada ao presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, que entrou na política potiguar pelas mãos de Wilma de Faria. Foi a mãe de Márcia Maia, quando era governadora, que comprou a ideia de Jean Paul de desenvolver o setor energético no Rio Grande do Norte, com fontes renováveis e a revitalização do setor de petróleo. Entre 2008 e 2010, Jean foi, inclusive, secretário no Governo Wilma.

Em nota, Márcia Maia falou sobre a nova opção partidária, registrando que a mãe foi filiada ao PDT.

“A luta política verdadeira é um caminho de vida para quem acredita que é possível fazer a diferença. A ex-governadora e minha mãe, Wilma de Faria, acreditava e materializava diariamente este sentimento por meio da trajetória construída por ela em toda a sua vida pública. Hoje, nossos caminhos sempre trilhados de maneira conjunta se perpassam no simbolismo da minha filiação ao PDT – primeira legenda a qual me filiei – e pela qual Wilma foi deputada federal constituinte e prefeita de Natal. Partido que carrega em sua história o legada de Brizola e cujas bandeiras, conteúdo programático e engajamento nas lutas por um país e uma sociedade melhor são um tripé indissociável daquilo que faz um partido político, em sua essência, forte”, afirmou Márcia.

No texto, a diretora-presidente da AGN reforça a conexão com o projeto da governadora Fátima Bezerra (PT). “Aceitei também o convite em nome da parceria e do fortalecimento do grupo político liderado pela governadora Fátima Bezerra que reconhece no partido um parceiro de longa data na luta por uma sociedade melhor, mais justa e democrática”, destacou.

Nota do Diário Político

Mesmo com o PDT presente em alguns municípios a ligação com Natal limitava a atuação partidária de Carlos Eduardo que sentiu em duas eleições a necessidade dos votos interioranos. Márcia Maia chega para oxigenar a sigla abre as portas e janelas do PDT para novos ventos. A ligação com Fátima Bezerra e Jean Paul poderá ser bem utilizada nas eleições de 2026, quando o ex-senador e atual Presidente da Petrobrás poderá disputar o executivo estadual em substituição a Fátima. O jogo político é como uma árvore frutífera, precisa ser plantada, regar e esperar anos.

PUBLICIDADEspot_img

Deixe uma resposta

ÚLTIMAS NOTÍCIAS