22.1 C
Mossoró
domingo, 26 de junho, 2022
Por Vonúvio Praxedes

Dilemas: O poder de construção de um pedreiro que tornou-se artesão

domingo; 26 junho - 2022

Habilidade e talento para construir não é para qualquer um. Digo, pelo simples motivo de acreditar que saímos do ventre de nossas mães, destinados, com propósitos bem delineados e visões únicas do papel que faremos durante a passagem pela terra. No percurso, claro, a gente vai se encontrando e tomando as próprias decisões.

Você já deve ter ouvido falar no ditado que fulano ou sicrano nasceu pra fazer isso, ou aquilo, não é mesmo?! Me dê mais alguns minutos do seu tempo, que vou lhes contar uma história… e com fotos para exemplificar.

Desde a década de 90, ou bem antes disso (não tenho memórias precisas), meu padastro, Júnior Borges, assumiu a função de pai e realizou a sua primeira grande construção ao nos unir como família. Os tempos não eram fáceis, na verdade, nunca foram. Vivíamos mudando de casa em casa, para o familiar da vez que aceitasse nos acolher. Diante da situação, faziam-se necessárias mudanças cruciais, como, por exemplo, trabalhar em busca do dinheiro que seria convertido em alimentos, roupas, produtos de higiene, etc.

Borges não é formado, tem no currículo os primeiros níveis de estudos e não terminou o ensino médio, no entanto, como ser humano autodidata que é e incrivelmente disciplinado, começou a trabalhar na profissão de pedreiro. Tem grande afinidade com a matemática, metragem, alinhamentos, desenha plantas com maestria e é super detalhista em tudo que costuma tocar. Sei que para ele, a vida de pedreiro iniciou como justificativa de trazer o dinheiro para dentro de casa e sustentar uma família de quatro integrantes, porém, o ofício passou a ser a sua maneira de externar várias capacidades. Eu o enxergo como alguém com competências formidáveis.

Júnior Borges tem anos de conhecimento e experiências grandiosas no setor da Construção Civil. Um dos prédios de uma tradicional rede de Supermercados da cidade de Mossoró/RN, foi levantado tijolo por tijolo com a sua árdua dedicação. Trabalhou na edificação de várias casas da Comunidade Nova Mossoró, de uma fábrica famosa de temperos… Possui a versatilidade de ocupar-se num dia como vendedor do ramo alimentício e no outro, de atuar no setor Salineiro. Destemido!

As doenças que foram surgindo com o tempo, lhe tiraram do prazer de construir através da profissão pesada. Hoje em dia, ele está impedido de ser o pedreiro de outrora e decidiu usar a sua criatividade em prol do seu futuro. A habilidade e o talento que mencionei serem destinados, estão sendo aplicados na sua nova ocupação, a de artesão. É certo dizer que fazedor de arte ele sempre foi. Uma casa milimetricamente levantada, tem arte em suas paredes, com toda certeza.

E ele agora está construindo miniaturas de casas de barro, barcos, cata-ventos, tudo referenciado das suas próprias vivências. Eu mesmo me lembro, na infância/adolescência, de ir passar vários carnavais na Comunidade Córrego, zona rural do município de Grossos/RN e dormir nas casas de taipa, brincar nas salinas, perto dos moinhos de vento e até subir nas embarcações de donos desconhecidos, para pular na maré alta, nas ondas que se formavam, lá na praia de Pernambuquinho. Isso, nas mãos dele, transformou-se em histórias contadas através do artesanato.

Júnior Borges participando da Feira de Artesanato do Mossoró Cidade Junina 2022 | Instagram: @artesanato_jrborges

Borges é artesão regulamentado. Transferiu seus dons para outro segmento, mas, sem perder sua essência e seu poder de construção. E sua arte, está sendo atualmente exposta em feiras artesanais, para que o mundo veja o produto e o criador lado a lado. É um artista raiz, que desenvolve peças autênticas, com muitas especificidades e fidelidades aos seus traços, cuidadosamente empregados em cada item que finaliza. De fato, quando se possui aptidão, não importa o lugar que se situe, seja como pedreiro ou produzindo material artesanal, é a figura por trás de toda a fabricação que vai gerar um resultado final, digno de inevitável reconhecimento.

Peças artesanais desenvolvidas por Júnior Borges | Instagram: @artesanato_jrborges

PS.: O artesão expõe suas obras atualmente, na Feira de Artesanato do Mossoró Cidade Junina 2022, no Polo Cidadela, de quinta a domingo, das 18hrs às 23hrs e aos sábados pela manhã, na Praça Bento Praxedes (Praça do Codó ou do Relógio), no centro de Mossoró/RN.

PUBLICIDADEspot_img

Deixe uma resposta

PUBLICIDADE

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS