22 abr 2020

Terceirizados da UERN denunciam salários atrasados; Universidade responsabiliza empresa

A presidente do Sindlimp Aldeíza Sousa, sindicato que representa empregados terceirizados de limpeza no RN entrou em contato com este Diário Político para denunciar atrasos de pelo menos dois meses nos salários dos trabalhadores que prestam serviço à UERN.

“São 50 empregados da CONSERV que não receberam os salários de fevereiro e março. Estão passando necessidades e a gente pede que alguém tome providências”, denuncia Aldeíza.

Nós procuramos a UERN que por meio de nota emitiu o seguinte esclarecimento:

“Até o momento a empresa não entregou a documentação referente aos meses em aberto, o que impossibilita a liberação de pagamento pelo Governo do Estado. A UERN tem notificado a empresa sobre as irregularidades e sobre a necessidade da regularização do pagamento dos salários dos funcionários.

Trabalhadores terceirizados da limpeza cobram salários em dia – foto: Sindlimp/RN

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *