05 out 2021

Polícia Militar deve manter representantes na ALRN; nome de Mossoró é destaque

Atualmente a Assembleia Legislativa do RN conta com dois militares, Deputados Coronel Azevedo (PSC) e Subtenente Eliabe (SD). Nomes que buscam representar os quadros da Polícia Militar na política Estadual, mas outro político deve figurar entre os candidatos próximo ano: Cabo Tony Fernandes.

Eleito vereador no município de Mossoró em 2020 com 2.530 votos, Cabo Tony do partido Solidariedade é referendado pelos colegas de farda pelas lutas encampadas pela valorização da Polícia Militar no Estado Potiguar mais precisamente na APRAM  – Associação de Praças da PM de Mossoró e região.

Seu diferencial é o fato de ser PM de mobilização das bases com forte atuação também na valorização das pessoas com deficiências. Especialista em segurança pública participa de palestras de prevenção às drogas, campanhas contra a violência e por justiça social.

Tony deverá ser candidato a Deputado Estadual buscando os votos do interior do estado. É crítico de questões não resolvidas pela administração Fátima Bezerra (PT) na área da segurança pública como o hospital da Polícia em Mossoró e junta médica local, além de concurso público e condições de trabalho dos PMs.

Uma questão ainda sem resposta sobre a candidatura é se terá apoio do Prefeito de Mossoró, seu partidário Allyson Bezerra.

Atualmente o partido Solidariedade de Tony conta com três deputados estaduais, Cristiane Dantas, Eliabe e Kelps, sendo que este último deverá ser candidato a Deputado Federal próximo ano.

Eleições 2018

O número de policiais e militares eleitos para o Legislativo pulou de 18 para 73 na comparação dos resultados das eleições de 2014 e 2018, segundo levantamento com base nos dados do TSE. Isso significa que os policiais e militares eleitos naquele ano é quatro vezes maior do que as eleições de 2014. Militares foram eleitos para as Assembleias, para a Câmara dos Deputados e para o Senado.

Eleições 2020

Dos cerca de 8 mil profissionais ligados às forças de segurança (polícias e Forças Armadas) que se lançaram candidatos em 2020, cerca de 10,2% foram eleitos. Foram consideradas como candidaturas policiais e das forças de segurança todas aquelas cujos titulares declararam como profissão bombeiro militar, membro das Forças Armadas, militar reformado, policial civil, policial militar ou nome na urna de cunho militar.

Cabo Tony Fernandes é vereador em Mossoró – foto: CMM

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *