28 abr 2019

Confira entrevista de Lula na prisão

Via Folha de São Paulo

O ex-presidente Lula falou com exclusividade na sexta-feira (26/04) à Folha e ao jornal El País em sua primeira entrevista desde que foi preso, em abril de 2018.

Em duas horas e dez minutos de conversa, o ex-presidente falou da vida na prisão, da morte do neto, do governo de Jair Bolsonaro (PSL), das acusações de corrupção contra ele e da possibilidade de nunca mais sair da prisão, dentre outros temas.

Lula disse ter “obsessão de desmascarar” o agora ministro da Justiça, Sergio Moro, que enquanto juiz da Operação Lava Jato o condenou pelo caso do tríplex em Guarujá (SP). Também afirmou estar determinado a provar sua inocência.

Veja vídeo da entrevista na íntegra:

Na entrevista, o ex-presidente faz um aceno ao Supremo Tribunal Federal. “Ela [corte] já demonstrou que teve coragem e se comportou”, em referência a votações anteriores para temas polêmicos. “No meu caso a única coisa que eu quero é que votem com relação aos autos do processo”, afirma.

Após uma batalha judicial na qual a entrevista chegou a ser censurada pelo STF, decisão revista na semana passada pelo presidente da corte, Dias Toffoli, o petista recebeu os dois veículos em uma sala preparada pela Polícia Federal na sede do órgão em Curitiba, onde está preso.

Lula foi preso em abril de 2018 após ter sido condenado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região, a segunda instância da Justiça Federal, por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex.

Na terça-feira (23), em decisão unânime, a Quinta Turma do STJ reduziu a pena do ex-presidente e abriu caminho para ele saia do regime fechado ainda neste ano. O tribunal manteve a condenação do petista, mas baixou a pena de 12 anos e 1 mês de prisão para 8 anos, 10 meses e 20 dias.

O petista já foi condenado também no caso do sítio de Atibaia (SP) —a 12 anos e 11 meses, na primeira instância, por lavagem de dinheiro e corrupção. O caso, porém, ainda passará pela análise do TRF-4.

“Então, se eu cometi o erro de ir num sítio em que alguém pediu e a Odebrecht reformou, vamos discutir a questão ética. Aí é outra questão”, afirma Lula na entrevista, cuja versão completa segue abaixo.

Confira mais detalhes da entrevista clicando AQUI.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *