23 jan 2020

Prefeitura de Mossoró deixa faltar mais uma vez insulinas

O ano de 2020 começou e veio a tona mais uma vez o problema recorrente da falta de insulinas de alto custo, disponibilizadas pela secretaria municipal de saúde aos pacientes diabéticos.

A informação que chega é que os pacientes foram nesta quinta-feira (23/01) ao ponto de distribuição dos medicamentos no Centro Administrativo da Prefeitura de Mossoró e lá receberam a informação sobre a falta das insulinas Treciba e Novorapid.

Novembro de 2019

Depois da reclamação de pacientes diabéticos em novembro de 2019 quanto a falta de insulinas na farmácia central da Prefeitura de Mossoró por quase um mês o poder executivo afirmou por meio de nota que estava investindo em torno 4 milhões de reais na compra desses medicamentos para os próximo 12 meses. Segundo a Prefeitura, mil pessoas estão cadastradas na secretaria municipal de saúde para receberem insulinas de alto custo.

Prefeitura emite nota

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Prefeitura de Mossoró informa que está em fase de conclusão dos trâmites burocráticos para iniciar o processo de compra da primeira remessa de insulinas de alto custo para os diabéticos cadastrados na Secretaria de Saúde do ano de 2020. Assim que todos os trâmites forem concluídos, o que deve ocorrer em breve, o Município vai receber as insulinas Tresiba e Novorapid.

A Prefeitura reforça que mantem total atenção junto aos diabéticos mossoroenses e por isso investiu o montante de R$ 4.141.545,44‬ nas compras de milhares de insulinas Tresiba e Novorapid nos anos de 2018 (R$ 2.031.790,20) e 2019 (R$ 2.109.755.24).

2 thoughts on “Prefeitura de Mossoró deixa faltar mais uma vez insulinas”

  1. Amigo olha só o que diz parte da nota. “A prefeitura reforça que mantém total atenção junto aos diabéticos Mossoroenses” Se mantém total atenção aos diabéticos, porque deixa faltar as insulinas, fitas de verificação da glicose, lancetas e agulhas para as aplicações? Portanto, já imaginou se a prefeitura não desse essa “total atenção ao diabéticos?” O que chama atenção, é a inrresponsabilidade da secretaria de saúde que deixa primeiro acabar as insulinas para só depois iniciar as compras. Fica a pergunta: Porque não iniciar essas compras quando estiver faltando um mês para zerar o estoque da última compra? Acredito que isso é um meio da prefeitura não gastar uma prata com as insulinas em um ou dois meses, pois é o tempo que muitas vezes gastam para voltar as entregas das insulinas aos sofridos diabéticos. Uma maldade sem tamanho da parte da senhora prefeita contra as pessoas que tem essa terrível doênça. Um abraço amigo, e um ótimo fim de semana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *