23 dez 2018

Grupos terão gratuidade no Teatro Lauro Monte até março, diz futuro presidente da FJA

O poeta cordelista Joaquim Crispiniano Neto irá assumir pela terceira vez a direção geral da Fundação José Augusto (FJA), cargo correspondente ao de secretário de Cultura do Estado do Rio Grande do Norte. Aos 62 anos, ele terá como meta prioritária a reestruturação da FJA para fortalecer as políticas culturais.

Durante entrevista ao Cenario Político da sexta-feira (21/12), Crispiniano afirmou que para o Teatro Lauro Monte Filho, reinaugurado semana passada após dez anos fechados disse que a ideia é manter apresentações de grupos teatrais locais sem a cobrança de taxas administrativas, o que é chamado de pauta. “Os grupos que quiserem ter aqueles espaço para diferentes apresentações, a pauta vai ficar livre, gratuita, até março de 2019. Grupos pequenos terão mais oportunidade. A partir daí a gente vai regularizando nossas demandas e a forma de cobrança”.

Sobre quem vai assumir a direção do Lauro Monte, por enquanto, o nome é mantido em segredo, “temos a indicação, uma pessoa da área cultural, mas vamos aguardar até janeiro para divulgar a nomeação”, afirmou Crispiniano.

Com relação à infraestrutura da cultura do Estado, Crispiniano acredita que os projetos aprovados junto ao Banco Mundial proporcionarão, na medida em que forem sendo liberados, um ritmo favorável à recuperação.

Histórico

Crispiniano assumiu a Fundação José Augusto em fevereiro de 2007, durante a gestão da governadora Wilma de Faria, e seguiu até abril de 2010, quando assumiu o ex-governador Iberê de Souza. Depois disso, o diretor geral da FJA voltou à instituição, desta vez na gestão do atual governador Robinson Faria (PSD), substituindo Rodrigo Bico no cargo. No segundo semestre de 2016, Crispiniano e demais secretários petistas que integravam o governo pediram afastamento do cargo, após o PSD manifestar apoio ao impeachment da então presidente Dilma Rousseff.

Com informações complementares do Jornal AGORA RN.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *