15 jun 2021

Ex-vereador de Mossoró entrega presidência de partido; reunião definirá nova diretoria

O ex-vereador e atual diretor presidente do AFIM – Abatedouro Frigorífico de Mossoró, Alex do Frango, vai deixar a presidência do seu partido PV – Partido Verde.

Alex do frango deixará presidência do PV Mossoró – foto: redes sociais

Perguntado por este Diário Político, Alex afirmou que está dedicado a administração do AFIM e isto tem consumido boa parte de seu tempo, sem disponibilidade para gerir a sigla como gostaria: “Eu não estou com tempo para trabalhar o partido e organizar para 2022, por isso estamos entregando para outra pessoa que possa fazer o Partido Verde cada vez maior”.

A carta com pedido de desistência da presidência do partido vai ser entregue esta semana ao presidente estadual do PV professor Rivaldo Fernandes. Perguntado se vai continuar no Partido Verde Alex respondeu: “Sim, por enquanto”.

Uma reunião que acontece na manhã desta terça-feira (15/06) poderá definir o próximo presidente e diretoria do PV mossoroense.

Futuro presidente

Pelo menos dois nomes sendo cotados para assumir a liderança da sigla em Mossoró. Giogiano Mendes, está filiado ao PV desde o ano passado. É servidor da UFERSA e atualmente é responsável pelo setor de mudas da Universidade Federal Rural do Semi-Árido. Nunca concorreu a um cargo eletivo, disse que chegou ao partido para contribuir com projetos: “Minha contribuição é mais para por em prática projetos que sejam viáveis para Mossoró nas áreas de educação e meio ambiente”. Disse ainda que não pretende concorrer a cargos políticos.

Outra pessoa que poderá assumir o PV em Mossoró é João Morais, coordenador estadual do SindSaúde, sindicato que representa os trabalhadores da saúde do estado do Rio Grande do Norte. João, chegou ao PV em 2020 e concorreu a uma vaga na Câmara de Mossoró, obteve 338 votos.

Giorgiano e João Morais são nomes que poderão assumir a presidência do PV – fotos: redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *