06 nov 2021

Em Mossoró, um popular parou Carlos Eduardo e falou algo inesperado

“Ano ímpar é a vez do diálogo”, disse Carlos Eduardo Alves (PDT) na quinta-feira (04/11), durante entrevista concedida ao programa Meio-dia TCM da rádio TCM 95 FM, ouça AQUI. A principal afirmação durante a conversa foi de que a sua pré-candidatura é ao Governo do RN.

É ciente que precisa caminhar mais pelo interior do Estado e tem um mote: “Preciso ser conhecido pelo que fiz como Prefeito e minha aprovação nas urnas de Natal”, asseverou.

Antes de entrar no prédio da TCM Telecom, depois de ter estacionado o carro, por volta das 11h30 da manhã, enquanto caminhava com um assessor, foi parado por um popular que passava de moto na rua dizendo: – Carlos Eduardo, vai ser candidato a o quê? De bate e pronto, o ex-prefeito de Natal arregalou os olhos e respondeu: – você quer que seja o quê? O popular pensou por dois segundos e disse gritanto: “Escolha, você de todo jeito é meu candidato! A reação do político veio com um largo sorriso e um longo “Obrigaaaaaaado”.

Este rápido encontro político / eleitor em Mossoró é um exemplo de como os pré-candidatos precisam construir seus espaços conversando, ouvindo e ponderando em busca dos seus objetivos.

Na sexta-feira (05/11) em Pau dos Ferros durante uma entrevista na rádio local, Carlos Eduardo disse uma frase que revela também os percalços desta caminhada: “Abrir estradas é por muitas vezes conviver com o risco da picada de cobra”.

Carlos Eduardo durante entrevista na Rádio TCM 95 FM – foto: TCM

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *