06 nov 2019

Diante da falta de insulinas, Prefeitura de Mossoró afirma investir R$ 4 milhões na compra desses medicamentos

Depois da reclamação de pacientes diabéticos quanto a falta de insulinas na farmácia central da Prefeitura de Mossoró há cerca de três semanas, o poder executivo afirma que está investindo em torno 4 milhões de reais na compra desses medicamentos para os próximo 12 meses. Segundo a Prefeitura, mil pessoas estão cadastradas na secretaria municipal de saúde para receberem insulinas de alto custo.

Confira nota da Prefeitura de Mossoró:

A Secretaria de Saúde informa que o processo de compra das insulinas de alto custo segue em tramitação. Uma nova fabricante de insulinas ganhou a licitação para fornecimento dos insumos nos próximos 12 meses. A Prefeitura de Mossoró está investindo mais de 4 milhões (R$ 4.138.400) na compra de 40 mil unidades da tresiba e 20 mil unidades da novorapid.

O processo de compra de insulinas da nova licitação está seguindo todos os trâmites burocráticos. A expectativa é que até a próxima semana todo o processo esteja concluído.

No ano passado a Prefeitura investiu R$ 3.6 milhões na compra de 36 mil tresiba e 18 mil novorapid. Os valores financeiros investidos neste ano são superiores em R$ 536.600 e a quantidade de insulina em 6 mil, comparados com a licitação do ano passado.

Atualmente são cerca de 1.000 diabéticos cadastrados na Secretaria de Saúde que recebem gratuitamente as insulinas de alto custo. Desse número, 60% são homens e 40% mulheres. Até o dia 22 do mês passado a Saúde estava fornecendo a insulina tresiba normalmente.

One thought on “Diante da falta de insulinas, Prefeitura de Mossoró afirma investir R$ 4 milhões na compra desses medicamentos”

  1. Todos os meses é essa mesma coisa !! Falta as insulinas e as fitas pra nós fazemos o controle eles só da uma caixa com 50 já que a maioria dos diabéticos necessita no mínimo de 150 ! Sei conta as agulhas que nós temos que passa mais de mês usado elas, esse papo de licitação já é velho .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *