18 nov 2021

De Padre Sátiro a ex-presidentes da OAB: veja lista de apoiadores e o crescimento da adesão à chapa Luiz Carlos/Helena

Uma candidatura que cresceu ao longo da disputa com apresentação de propostas, debate com a advocacia e discussão das demandas da categoria. A chapa Luiz Carlos/Helena Belmont confirma o favoritismo nas eleições para a OAB Mossoró baseado no crescimento dos apoios e adesões ao longo do processo eleitoral.

Padre Sátiro Cavalcanti, advogado, sacerdote e ex-reitor da UERN, foi um dos nomes que confirmou o apoio à chapa. “Eu não tenho segredo, eu já estava preparado. Já tinha feito várias perguntas, principalmente sobre você. Eu não vou votar sem consciência”, declarou o sacerdote em visita da chapa à FM Santa Clara.

Em vídeo publicado nas redes sociais, Padre Sátiro ainda comenta sobre como deve ser feita uma boa gestão. “Com uma boa equipe de auxiliares, ouvindo os auxiliares. É dar espaço para quem está ao seu lado. Essa é a função do líder”, comentou.

Outros nomes caminharam ao lado da chapa, confirmando o apoio e o voto. Advogados experientes como Lindocastro Nogueira, ex-presidente da OAB Mossoró, Raul Santos, procurador geral do Município, Bárbara Paloma, presidente licenciada da OAB e candidata à vice-presidência da Seccional OAB RN, Breno Góis, procurador da Câmara Municipal, Aldo Fernandes, ex-presidente da OAB Mossoró, Severino Moura, ex-vice-presidente, Erika Benjamim, diretora acadêmica da Faculdade Católica, entre outros nomes.

Apoios que se unem aos demais nomes da advocacia, dos advogados mais experientes aos iniciantes. Todos em busca de uma OAB conduzida com respeito, credibilidade e que não abra mão da defesa das prerrogativas da classe.

A campanha da chapa OAB Para Fazer Mais foi pautada no respeito, tanto aos colegas advogados adversários como à advocacia de maneira geral. A classe precisa ter um bom nome perante à sociedade e o embate com acusações, desrespeito e notícias falsas envolvendo até questões pessoais dos candidatos não contribui para o debate, muito pelo contrário, empobrece o diálogo e enfraquece a visão do advogado como um profissional que respeita o jogo democrático.

Em todas as publicações nas redes sociais não se viu acusações postadas pelo candidato Luiz Carlos. Todo o conteúdo foi direcionado à discussão de propostas e até pedidos de paz, conclamando a advocacia a realmente discutir as demandas da classe.

“Terminamos essa campanha com o sentimento de dever cumprido. De que travamos o bom combate, elevando o nível das discussões e trazendo à tona questões pertinentes à advocacia. É assim que enxergo a minha classe e é assim que quero conduzir a OAB Mossoró. Estamos confiantes na decisão da maioria”, finalizou Luiz.

As eleições da OAB Mossoró acontecem nesta sexta, dia 19 de novembro, na sede da Subseccional. Mossoró dispõe de três seções de votação.

Via assessoria

Luiz Carlos e Helena – chapa 63 – foto: assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *