26 maio 2019

Apoiadores de Bolsonaro realizam ato em Mossoró; no País foram 156 cidades

Via blog Ismael Sousa/ O GLOBO/ G1

Os apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PSL) voltaram às ruas neste domingo (26/05), em defesa das reformas e a favor do governo. Os manifestantes seguiram em carreata pela avenida Presidente Dutra até a Estação das Artes. Segundo estimativa da Polícia Militar e organizadores, o ato reuniu cerca de 2.200 pessoas.

A concentração teve início às 15h no posto do Ceguinho, em seguida dezenas de veículos desceram o Alto de São Manoel embalados por músicas da campanha do Bolsonaro, até a Estação das Artes, na Avenida Rio Branco, marcando o encerramento da manifestação.

O grupo cobrou da classe política local a aprovação das reformas, como a Nova Previdência, defendeu a aprovação do pacote anticrime do ministro Sérgio Moro e defendeu a união da direita do Estado a favor do governo do presidente Bolsonaro.

Veja o vídeo da mobilização em Mossoró clicando AQUI.

O presidente Jair Bolsonaro afirmou em seu perfil no Twitter neste domingo que a maioria dos manifestantes que participaram deatos a favor de seu governo pelo país foi às ruas com “pautas legítimas e democráticas”. Bolsonaro ressaltou que já havia desautorizado a participação nos atos de quem defende o fechamento do Congresso ou do Supremo Tribunal Federal (STF).

Os manifestantes defenderam nas ruas projetos da gestão do presidente, como a reforma da Previdência e o pacote anticrime e anticorrupção, apresentado pelo ministro da Justiça, Sergio Moro. Havia ainda cartazes contra o “centrão” e o STF.

Ao menos 156 cidades em 26 estados e no Distrito Federal tiveram protestos entre a manhã e a tarde deste domingo (26/05).

15 de maio

Em 15 de maio, durante as manifestações em defesa da educação, havia, às 19h30 daquela quarta-feira, protestos em 198 cidades de todos os 26 estados do país, mais o Distrito Federal. O dia terminou com atos em 222 cidades.

Nem as autoridades nem os organizadores fizeram estimativa de público em todos os atos contabilizados pelo G1 seja em 15 de maio ou neste domingo. Nos dois dias, as manifestações foram pacíficas e não houve registro de incidentes.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *